Shadow

Bitcoin volta ao Top 10 de ativos mais valiosos do mundo

Criptomoedas 2

Essa semana, mesmo com as oscilações no mercado levou o Bitcoin de volta ao Top 10 de ativos mais valiosos do mundo. A principal causa foi o aumentonto no fluxo comprador por parte dos investidores no começo desta semana. Com isso, o bitcoin voltou a subir para a casa dos US$ 30 mil.

A principal criptomoeda agora tem um market cap de US$ 575,5 bilhões e ocupa a décima posição entre os ativos mais valiosos do mundo.

Esse ranking foi elaborado pelo site Companies Market Cap. No momento, quem lidera o Top 10 é o ouro.

O valioso metal goza de um valor de mercado estimado em US$ 11,7 trilhões, mais de 20 vezes o market cap do bitcoin. Já em 2º vem as ações da Amazon, cujo valor de mercado é de US$ 2,4 trilhões, seguido pelas ações da Saudi Aramco (US$ 2,4 trilhões), da Microsoft (US$ 2 trilhões) e da Alphabet, que controla o Google.

A prata também vem bem colocada, com market cap estimado em US$ 1,2 trilhão, na sétima colocação. No mesmo Top 10 temos as ações da Amazon (sexto lugar, US$ 1,25 trilhão), da Tesla (oitavo, US$ 770 bilhões), da Berkshire Hathaway (nono, US$ 693 bilhões) e o bitcoin.

bitcoin 3

esse rankinf leva em consideração as ações negociadas em Bolsas de Valores, metais preciosos, criptomoedas e ETFs.

Até o fechamento da matéria, o maior ETF do mundo, o S&P 500, aparece na 20ª colocação, com um valor de mercado total de pouco mais de US$ 377 bilhões.

Os metais Paládio (23º, US$ 350 bilhões) e platina (39º, US$ 250 bilhões) também estão na lista.

Já o bem falado Ether, cripto nativa da rede Ethereum, possui um market cap de US$ 224 bilhões e está na 48ª colocação no ranking, à frente de empresas gigantes como a Disney (54ª, US$ 200 bilhões), McDonald’s (63º, US$ 185 bilhões) e Nike (67º, US$ 180 bilhões).

Mesmo retornando para a lista de dez maiores ativos do mundo, o bitcoin passou a semana com altos e baixos, mesmo após atingir US$ 32 mil na terça.

Segue a lista com os ativos mais valiosos do mundo, conforme o Companies Market Cap:

  • 1. Ouro – US$ 11,75 trilhões
  • 2. Apple – US$ 2,41 trilhões
  • 3. Saudi Aramco – US$ 2,4 trilhões
  • 4. Microsoft – US$ 2 trilhões
  • 5. Alphabet (Google) – US$ 1,5 trilhão
  • 6. Amazon – US$ 1,25 trilhão
  • 7. Prata – US$ 1,23 trilhão
  • 8. Tesla – US$ 770 bilhões
  • 9. Berkshire Hathaway – US$ 693 bilhões
  • 10. Bitcoin – US$ 576 bilhões
  • 48. Ether – US$ 224 bilhões
bitcoin alta

Recentemente o Bitcoin atinge US$ 30 mil após 9 semanas de queda

Mesmo assim, os traders de Bitcoin e de outras criptomoedas ainda operam com receio, considerando o risco e perdas das semanas anteriores. Hoje – 02/06 – por exemplo, muitos analistas afirmam que o BTC não fechará a semana positivamente.

O Bitcoin vem caminhando para uma queda de 20%, apesar de ter subido mais de 10% em relação à sua recente mínima de US$ 25.840 em 12 de maio.

Criptomoedas 7

Em pouco tempo, no entanto, os preços do Bitcoin podem se estabilizar. “Houve vendas a descoberto maciças nas últimas semanas, o que pode ser um presságio de um short squeeze nas próximas semanas. Os fluxos de reequilíbrio no final do mês também podem ajudar”, explicou David Duong, chefe de pesquisa institucional da Coinbase, em um relatório na última sexta.

“Se conseguir ultrapassar US$ 30 mil, pode disparar. Mas, se continuar pressionado pelo sentimento de baixa, pode cair para sua próxima linha de suporte em torno de US$ 25 mil.” afirmou Joe DiPasquale, CEO da gestora de fundos de criptomoedas BitBull Capital, ao CoinDesk.

Mais notícias em breve!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.