Shadow

Como comprar Criptomoedas

criptomoedas 8 2

Como comprar criptomoedas? Nesse tutorial vamos ver que as criptomoedas ultrapassaram a marca dos R$ 10,2 trilhões em valor de mercado e têm ganho cada vez mais espaço no mundo dos negócios e na carteira dos investidores por todo o mundo. Criadas no pós-crise global, os ativos estão deixando de ser um mercado de nicho e começam a moldar o mundo real.

Precisamos sempre ouvir os mais experientes: Especialistas recomendam que toda compra de criptos seja feita em uma exchange, reconhecida pelo mercado. Outra dica é investir somente uma parte pequena do patrimônio (inferior a 10%), sempre diversificando seus investimentos.

Por que cresce a cada dia o interesse por criptomoedas?

A valorização rápida e grande do bitcoin, a principal cripto global, nos últimos anos chamou a atenção de investidores para o ativo, que passou a ser muito procurado como reserva de valor.

Surfando na onda, milhares de outras criptos passaram a ser negociadas por todo o mundo. E para somar, cada vez mais empresas aceitam moedas digitais como forma de pagamento. Também já há produtos de investimentos que aplicam diretamente em criptos.

Como converter criptomoedas em dinheiro real?

Você precisa vendê-las. A maneira mais comum e segura é usar uma exchange, que reúne compradores e vendedores. Também é possível vender diretamente a outra pessoa, por sua conta e risco. Caixas eletrônicos que convertem criptos em dinheiro existem, mas são raros e ainda estão em fase de testes.

criptomoedas 1

Posso investir sem comprar criptomoedas diretamente?

Sim, pode. Já existem fundos de investimentos que aplicam parte da carteira em criptoms. Na Bolsa brasileira, a B3, também há ETFs (fundos listados) que investem em criptoativos, como o HASH11 e o QBTC11. Segundo os especialistas, são alternativas mais seguras para iniciantes do que comprar criptos diretamente.

As criptomoedas já são reguladas no Brasil?

Não. Mas existe um projeto de lei para regulação tramitando nesse momento no Congresso, levando em consideração países como Cingapura e Argentina.

O texto prevê que a compra de criptos só possa ser feita em exchanges (corretoras) certificadas diminuindo bastante fraudes e lavagem de dinheiro.

O Banco Central também discute como regulamentar as criptos como investimento. Por enquanto, criptomoedas são consideradas ativos para investir.

Existe lastro por trás de uma criptomoeda?

Não há nenhum lastro oficial. Isto é, não têm correlação com moedas tradicionais emitidas por bancos centrais ou qualquer outro tipo de ativo.

Posso investir sem comprar criptomoedas diretamente?

Sim. Há fundos de investimentos que aplicam parte da carteira em criptos. Na Bolsa brasileira, a B3, também há ETFs (fundos listados) que investem em criptoativos, como o HASH11 e o QBTC11. Segundo especialistas, são alternativas mais seguras para iniciantes do que comprar criptos diretamente.

criptomoedas 6 2

Como comprar criptos fora do Brasil?

Antes dessa pergunta, AVISO: A Receita Federal determina que, sobre remessas para o exterior para a compra de criptomoedas, incida IOF de 1,1%.

Criptomoedas são tributadas?

Claro que são. Quem possui precisa declará-las no Imposto de Renda, anualmente. Lucros obtidos com a negociação de criptomoedas são tributados sempre que as vendas ultrapassarem R$ 35 mil no mês.

Movimentações abaixo disso são isentas.

Posso deixar criptomoedas como herança?

Sim, apesar de ainda existir barreiras práticas, segundo Pedro Amorim, do Bichara Advogados. Primeiro, os herdeiros precisam ter acesso às chaves criptográficas da carteira de criptomoedas deixada como herança.

Sem elas, é impossível fazer a transferência de recursos.

São cobradas taxas sobre as transações?

Sim! As exchanges cobram taxas por TODAS as operações. Transações feitas fora delas também pagam as taxas da rede, que remuneram os “mineradores”.

Essas taxas variam de acordo com a moeda e são dinâmicas. O usuário determina quanto quer pagar por cada transação, mas, quanto maior o valor, mais rápida é a operação. Taxas muito baixas podem significar semanas para a conclusão de uma transação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.