Shadow

FBI coloca ‘Rainha das Criptomoedas’ na lista dos dez criminosos mais procurados

coinbase crimes digitais 3 polícia federal criptomoedas

A criminosa procurada Ruja Ignatova liderava um esquema com criptomoedas que afetou milhões de investidores e movimentou mais de US$ 4 bilhões! Ignatova foi vista pela última vez em 2017.

Ruja tornou-se um nome familiar no país depois de uma fraude com ativos digitais no valor de um bilhão de dólares em 2014. A história reapareceu recentemente quando foi revelado que o FBI tinha acrescentado o seu nome à sua lista dos 10 criminosos mais procurados em todo o mundo.

Ignatova criou até criptomoedas próprias

Anonymous terra

Ruja Ignatova, cujo apelido famoso é ‘Crypto Queen’, criou uma criptomoeda batizada de OneCoin, que mais tarde foi identificada como um esquema Ponzi.

Segundo a polícia, sua OneCoin Ltd. defraudou mais de três milhões de investidores e roubou mais de 4 bilhões de dólares desde 2014. A sua empresa é também acusada de crimes incluindo subornar os presidentes da Sérvia e da Bulgária.

cadeia bitcoin 1

Ignatova pode ter achado que as coisas esfriaram, porém, o título ‘mais procurados’ acaba de ser acrescentado ao seu apelido depois de ter sido colocada na lista dos 10 criminosos mais procurados do mundo, publicada pelo US Federal Bureau of Investigation (FBI) na quinta-feira (30/06).

O FBI também anunciou a sua intenção de pagar até 100.000 USD por informações que conduzam ao paradeiro e prisão da criminosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.